Comitê de Infraestrutura faz uma retrospectiva e debate o plano de trabalho para 2022

No último encontro de 2021, o Comitê de Infraestrutura, formado pelo Pró-Paraná e pelo Instituto de Engenharia do Paraná (IEP), se reuniu nesta terça-feira (14/12) para fazer uma retrospectiva de sua atuação em 2021 e abrir o debate sobre os planos para 2022.

Os presidentes do Pró-Paraná, Marcos Domakoski, e do IEP, Nelson Gomez, saudaram os participantes e destacaram as discussões técnicas que cumpriram o propósito de buscar o desenvolvimento do estado – pedágio com obras e tarifa justa, a inclusão da terceira pista do Aeroporto Afonso Pena em edital, a derrocagem da Pedra Palangana para dar acesso a navios maiores no Porto de Paranaguá, a engorda da praia de Matinhos, a construção da ponte e o plano de mobilidade de Guaratuba, a nova ponte  de Foz de Iguaçu, ligando Brasil e Paraguai), dentre outras.

Domakoski citou também a participação do IEP e do MPP no Conselho de Recuperação de Bens Ambientais Lesados do Paraná, como representantes civis.

Ao longo do ano de 2021 também ocorreram outros debates sobre gás natural, energia elétrica, tributos, telecomunicações, saneamento, pautas que devem ser exploradas no próximo ano e também proporcionarão mais conquistas.

Luís Roberto Bruel, coordenador do comitê, apresentou algumas estatísticas: foram 49 reuniões gerais, sempre por videoconferência, participação em 17 eventos externos, 13 reuniões do GT Energia Elétrica, além de 3 específicas sobre a Derrocagem da Pedra da Palangana.

Para 2022 foram sugeridos pelos participantes debates sobre energia (ICMS, Royalties e Anexo C Itaipu -perda de R$ 2 bilhões na arrecadação com as mudanças nas novas regras do ICMS no estado); ferrovias, acompanhamento da transição e da nova concessão de pedágio, Porto de Paranaguá e o futuro do gás natural.

“Só tenho a agradecer a todos a participação e a nossa união. Todos estão imbuídos do grande objetivo de melhorar a infraestrutura do Paraná. A união faz a força, com exemplos mais que evidentes dos resultados. Tenho certeza de que juntos vamos conseguir mais”, afirmou Gomez.

Bruel também agradeceu a todos e informou que o comitê volta a se reunir no dia 25 de janeiro.