Presidente do Pró-Paraná faz palestra no Observatório da Cultura Paranaense

O presidente do Movimento Pró-Paraná, Marcos Domakoski, foi convidado pelo Observatório da Cultura Paranaense para participar de evento on-line, realizado nesta sexta-feira (30), para tratar do tema “Iniciativas do Pró-Paraná visando à integração do nosso estado por meio da cultura”.

Domakoski abriu sua apresentação destacando a importância da cultura durante o período pandêmico em que o mundo se encontra e ressaltou que o movimento completa, este ano, 30 anos de atividades e defesa das políticas públicas que desenvolvem o estado. “Cultura e preservação da memória são eixos centrais de um estado próspero e promotor de bem-estar social para todos os seus habitantes”, afirmou o presidente, citando o plano para homenagear o arquiteto e ex-governador do estado Jaime Lerner, falecido este ano.

O presidente também citou o apoio do movimento ao programa Viajando pela Cultura, desenvolvido pelo Instituto de Engenharia do Paraná (IEP), que proporciona espaço para artistas, pesquisadores, empresários e promotores culturais para compartilhar sua visão e sua experiência no campo cultural.

“Zelar pela cultura é preservar e lembrar dos marcos e figuras históricas”, citou Domakoski ao relembrar a abertura da exposição “Ney Braga: 100 anos na história do Paraná”, homenagem que o Pró-Paraná realizou em 2017 em celebração ao centenário de nascimento do ex-governador Ney Braga, um dos fundadores do BRDE, no Museu Paranaense.

“Ney Braga, ao criar o BRDE ao lado de Celso Ramos e Leonel Brizola, impulsionou a economia da Região Sul, dando ao Paraná o cenário nacional. Foi Ney Braga quem organizou aqui, em terras paranaenses, o 1º Festival do Cinema Nacional e criou a 1ª Comissão Cultural de Curitiba”, destacou.

Domakoski encerrou seu discurso frisando que os trabalhos realizados pelo movimento estão desenvolvendo não só questões de infraestrutura do estado, mas que, ao investir em questões estruturais, está também trabalhando pela cultura.

“Conhecemos e confiamos no potencial dos paranaenses. Sabemos que um Paraná desenvolvido será capaz de gerar riquezas para as políticas públicas dos mais variados setores, inclusive o de cultura, que alivia nossa existência nestes tempos desafiadores que hoje enfrentamos”, pontuou.

Parcerias

“Foi muito bom contar com a participação do presidente do Pró-Paraná. Todos gostaram das colocações que ele fez. E nos comprometemos a fazer o Pró-Paraná e o OCP seguirem juntos nas pautas em prol da cultura paranaense”, afirmou o coordenador do observatório, Ernani Buchmann.

A superintendente de Cultura do Paraná, Luciana Casagrande Pereira, também participou do evento e colocou o órgão do estado à disposição das entidades para iniciativas futuras.

 

Confira aqui a íntegra da participação de Marcos Domakoski no evento.